imagem da águia e a frase: consulado honrário da república da polônia no rio grande do sul
Professores da KUL de Lublin

Professores da KUL de Lublin em Porto Alegre, para reunião de planejamento

Participantes da Conferência

CONFERÊNCIA OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS POLÔNIA-BRASIL
INTERNACIONALIZAÇÃO DE STARTUPS, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS

São João Paulo II

NOTA DE REPÚDIO AOS ATAQUES A SÃO JOÃO PAULO II

Parceria entre PUCRS e KUL de Lublin/PL

Assinatura do Termo de Cooperação entre as duas universidades, em março 2022 - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (Gabinete de Cooperação Internacional) e Universidade Católica João Paulo II (KUL) de Lublin/Polônia...

CONCLUÍDO TERCEIRO CICLO DE CURSOS DE LINGUA E CULTURA POLONESA

No mês de março passado, finalizamos o III Ciclo de Cursos de Lingua e Cultura Polonesa - projeto chancelado pela Stowazyszenia Wspólnota Polska (organização não governamental polonesa, vinculada à Chancelaria do Primeiro-Ministro...

POLÔNIA APOIA DESCENDENTES NO ACESSO À LINGUA E CULTURA

Pelo terceiro ano consecutivo a Chancelaria do Primeiro Ministro da Polônia,
através da organização Wspólnota Polska destina verba para apoiar às comunidades
de Descendentes no acesso à lingua e Cultura.

III Ciclo de cursos on-line de língua e cultura polonesa

IGREJA DOS POLONESES EM PORTO ALEGRE COMEMORA 90 ANOS

Orgulho dos poloneses emigrados e descendentes, residentes em Porto Alegre, o pequeno templo dedicado à Nossa Senhora de Monte Claro está localizado no chamado quarto distrito de Porto Alegre, na avenida Presidente Roosevelt, que de acordo com a história, no passado, foi bairro de muitos poloneses. Ao longo de seus 90 anos de fundação, constitui-se numa importante referência da polonidade no Estado do Rio Grande do Sul.

Foto: Arquivo do Consulado Honorário no RS.

EMBAIXADOR DA POLÔNIA NO BRASIL RETORNA A PORTO ALEGRE

Embaixador da República da Polônia no Brasil Jakub Skiba retorna ao Rio Grande do Sul, no próximo dia 14 de março com agenda intensa, dando continuidade às diversas negociações já iniciadas, incluindo os setores da Educação, Cultura e Desenvolvimento Econômico,

Foto: Guilherme Almeida - Jornal Correio do Povo.

POLONESES E UCRANIANOS DE PORTO ALEGRE Expressam Solidariedade ao povo da Ucrânia invadida!

Organizado pelo Consulado Honorário da República da Polônia no Rio Grande do Sul e com a participação da Capelania dos Poloneses de Porto Alegre e Sociedade Polônia de Porto Alegre, foi realizado na manhã deste 13 de março o ATO DE SOLIDARIEDADE AO POVO UCRANIANO e contou com a presença de descendentes de ucranianos da comunidade de Canoas.

ATO EM SOLIDARIEDADE AO POVO UCRANIANO

O CONSULADO HONORÁRIO DA REPÚBLICA DA POLÔNIA NO RIO GRANDE DO SUL, juntamente com a CAPELANIA NOSSA SENHORA DOS POLONESES DE PORTO ALEGRE E A SOCIEDADE POLÔNIA DE PORTO ALEGRE, neste momento em que o mundo vivencia a invasão russa à Ucrânia, convidam para o ATO DE SOLIDARIEDADE AO POVO UCRANIANO, a ser realizado no próximo domingo 13 de março, às 10h, em frente à Capelania Nossa Senhora dos Poloneses de Porto Alegre, na Av. Presidente Franklin Roosevelt, nº 920, Bairro Navegantes e após, Missa na intenção do povo ucraniano.

No período de 12 a 14 de fevereiro estará disponível em streaming no site www.ninateka.pl, (sem geoblocking no mundo inteiro) o filme "Noce i dnie" com legenda em inglês.

O evento é promovido pela TVP Kultura e RMF Classic, e conta com a participação de Copernicus 11 Museu de História de Katowice.

Polônia e RS - Estreitando Laços

No período de 18 a 21 de novembro, o Embaixador da República da Polônia no Brasil, Jakub Skiba, esteve em visita oficial ao Estado do Rio Grande do Sul.

OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS? - SIM!

Os números crescentes da economia polonesa, colocam o país na mira do mercado internacional. As oportunidades de negócios entre o Brasil e a Polônia se multiplicam. O Consulado Honorário gerador de ligações apresenta o SECOM - Setor de Promoção Comercial da Embaixada do Brasil em Varsóvia.

Altar da Igreja Nossa Senhora de Monte Claro em Porto Alegre
IGREJA POLONESA DE PORTO ALEGRE FESTEJA SUA PADROEIRA – N.SRA.DE MONTE CLARO

Artigo: Sérgio Sechinski - Cônsul Honorário da Polônia no RS

Altar da Igreja Nossa Senhora de Monte Claro em Porto Alegre
ESBOÇO DA PASTORAL POLONESA EM PORTO ALEGRE

Artigo: Pe. Zdzislaw MALCZEWSKI SChr
Reitor da Missão Católica Polonesa no Brasil

Ciclo de cursos on-line de língua e cultura polonesa
Realização

1º de agosto de 1944 - Powstanie w sierpniu
O Levante de agosto


Foto: Sérgio Sechinski

A Polônia comemora hoje (01/08/2021) o 77º ANIVERSÁRIO DO LEVANTE DE VARSÓVIA, uma data realmente de grande honra para o povo polonês e seus descendentes espalhados por todos os continentes do planeta...um verdadeiro testemunho da história que destaca a união e o espírito de bravura da gente polonesa, na resistência ao inimigo e à opressão. Movidos pelo profundo respeito à liberdade, o povo polonês, unido, manteve, acima de tudo, o ideal da soberania, que naquela ocasião, há 77 anos atrás, a juventude da época destacou uma memorável expressão de patriotismo - crianças e jovens, organizados em verdadeiros exércitos, lutaram destemidos, entregando suas vidas, em defesa da pátria, da liberdade, na época, roubadas pelos nazistas.

Da Polônia, nós descendentes e o mundo inteiro, temos o exemplo nobre e concreto, de que os valores pátrios podem e devem ser defendidos por cada cidadão. Assim se faz a defesa da pátria que se acredita. Assim se reforçam os mais profundos valores de uma nação.

Que orgulho, descender deste povo! Quão grande honra podermos, hoje, tantos anos depois, reverenciar a história e a coragem de verdadeiros heróis anônimos. Nos versos de Krzystof Amil Baczynski sinto e entendo se imortalizar a nobreza do sentimento de liberdade do povo polonês - É necessário que morramos agora, para que a Polonia saiba viver novamente ("Trzeba nam teraz umierać by Polska umiała znów żyć").

Neste importante fato histórico, podemos entender a relevância do sentimento e da condição de verdadeira cidadania - quando a luta pela liberdade é um sentimento que se acalenta no peito, fazendo se dele um verdadeiro e concreto ideal coletivo, que somente se conquista com bravura e heroísmo.

Liberdade e Soberania - Nem sempre basta se sonhar - as vezes requer luta e entrega!

Aos verdadeiros e grandes heróis poloneses, do agosto de 1944, nosso profundo respeito e honras!

Sérgio Sechinski
Cônsul Honorário da República da Polônia no Rio Grande do Sul

Programação Especial On-Line - 1º/08/2021 - Acompanhe!

Por ocasião do 77º aniversário da Revolta de Varsóvia, o Museu do Levante de Varsóvia preparou uma programação especial ON-LINE, com transmissões em 1º de agosto de 2021, via Facebook e You Tube, das 8 às 22 horas.

Confira a Programação e fique atento ao fuso horário de 5 horas:

Imagem da capa do Livro POLÔNIA E BRASIL – Mais próximo do que parece
Livro

MAZUREK, Jerzy (Org.). Polska i Brazylia – bliższe niż się wydaje / Brasil e Polônia – mais próximo do que parece. Warszawa: Instytut Studiów Iberyjskich i Iberoamerykańskich UW, Muzeum Historii Polskiego Ruchu Ludowego, Wydawnictwo Muzeum Niepodległości, 2020, pp. 778.

Embaixador Jakub Skiba
Mensagem do Embaixador Jakub Skiba

Em comemoração das Datas Nacionais da Polônia e Inauguração do Portal do Consulado Honorário o Embaixador Polonês envia mensagem aos polônicos, descendentes e brasileiros.

Cônsul Geral Marta Olkowska
Mensagem da Cônsul Geral Marta Olkowska

Face a Inauguração do Portal do Consulado Honorário a Cônsul Geral Marta Olkowska envia mensagem aos polônicos, descendentes e brasileiros.

Padre Zdsilaw
Mensagem do Pe. Dr. Zdzilaw Malczewski (SChr)

Pe. Dr. Zdzilaw Malczewski (SChr) disserta em sua mensagem sobre as datas comemorativas da Polônia.


O CONSULADO HONORÁRIO

Clique no play para ouvir o conteúdo "O CONSULADO HONORÁRIO" na língua portuguesa brasileira.

O CONSULADO HONORÁRIO DA POLÔNIA NO RIO GRANDE DO SUL

O Consulado Honorário da República da Polônia no Rio Grande do Sul faz parte da jurisdição do Consulado Geral da República da Polônia em Curitiba, atuando nas diversas interrelações do desenvolvimento e aprofundamento da cooperação econômica, científica, técnica e cultural, entre a República da Polônia e o Brasil, no contexto estadual do Rio Grande do Sul.

MENSAGEM DO CÔNSUL HONORÁRIO

Tenho o prazer de apresentar o Portal do Consulado Honorário da República da Polônia com o claro objetivo de destacar a Polônia e promover o estreitamento dos laços com o Estado do Rio Grande do Sul, que detém expressiva presença de descendentes e simpatizantes.

A República da Polônia abre-se ao mundo como nação histórica, vigorosa, europeia, moderna e soberana, e com um futuro extraordinário, resultado do grande esforço do seu povo, nos últimos anos.

Olhar hoje, para a Polônia é o mesmo que se desvendar novos caminhos para uma relação sem fim. Foquemos o centro da Europa e nele encontramos uma nova Polônia, que como fênix, ressurgiu dos escombros de tantas batalhas e duas guerras, e que hoje se mostra como um horizonte de prosperidade e de uma vibrante economia de mercado, um país de expressivas riquezas no cenário mundial.

Assim, estas páginas do Portal do Consulado Honorário têm por objetivo construir uma estreita e valiosa ponte de informação e orientação para todos que as consultam – poloneses e descendentes.

O âmbito do desenvolvimento das relações entre a Comunidade Gaúcha e a Polônia pode ser estimulada sob os mais variados aspectos. Assim, as inúmeras formas de relações no mundo cultural, das relações comerciais e das parcerias científicas, o turismo e a preservação do autoestima e orgulho étnico dos descendentes, residentes no Rio Grande do Sul renovam-se continuamente – no que se inclui a intenção deste Consulado Honorário, no estímulo a diversidade de relações que podem ser estabelecidas, no que se disponibiliza na sua plena atuação.

Sérgio Sechinski

Cônsul Honorário da República da Polônia no Rio Grande do Sul

A SEDE CONSULAR HONORÁRIA

O Consulado Honorário da República da Polônia no RS têm sua sede na Av. Presidente Roosevelt, 929, Sala 201 – Bairro São Geraldo – em Porto Alegre.

E-mail: auss@terra.com.br

Fone: 51-98147-0940

Portal: www.consuladohpoloniars.com.br

O atendimento no Consulado Honorário é realizado mediante agendamento prévio.

POLÔNIA

O País

A Polônia, oficialmente República da Polônia, é frequentemente considerada o “coração da Europa”, devido à sua localização central.

Durante a sua história, desempenhou o papel de uma das principais rotas comerciais do continente europeu, ligando entre si o norte, sul, leste e oeste, graças à sua vantajosa localização geopolítica.

A Polônia é membro da União Europeia desde 2004, sendo que a sua fronteira a leste constitui a orla oriental de toda a comunidade. Com 1,163 km, é a maior fronteira externa da União Europeia (o total de comprimento das fronteiras da Polônia é de 3,511km). Pela sua área geográfica, é o nono maior país da Europa e o sexto maior de toda a União Europeia, com uma superfície de 312 679 km2. Os seus vizinhos são a Alemanha a oeste, a República Checa e a Eslováquia a sul, a Ucrânia e a Bielorússia a leste e a Lituânia e a província russa de Kaliningrado a nordeste.

O RIO GRANDE DO SUL

O Estado do Rio Grande do Sul

Com 281,7 mil km², o território do Rio Grande do Sul é comparável ao da Itália. O Estado faz divisas com o Estado de Santa Catarina ao norte, as províncias argentinas de Misiones e Corrientes a oeste e com o Uruguai ao sul. A leste, o litoral do Rio Grande do Sul é banhado por 623 quilômetros de faixa litorânea.

De acordo com a Fundação de Economia e Estatística (FEE), em 2016 a população do Estado do Rio Grande do Sul é estimada em pouco mais de 11 milhões de habitantes, comparável à Bélgica, sendo o quinto Estado mais populoso da Federação.

Localizado no sul do Brasil e no centro do Mercosul, o Rio Grande do Sul possui fácil acesso aos maiores mercados consumidores da América do Sul. Em um raio de 1.500 km da Capital, Porto Alegre, estão localizadas metrópoles globais como São Paulo, Rio de Janeiro e Buenos Aires (Argentina), além de importantes centros populacionais e industriais como Belo Horizonte, Montevidéu (Uruguai) e Córdoba (Argentina). Nesse raio, está a maior concentração populacional da América Latina, com mais de 150 milhões de habitantes, facilmente acessíveis por via aérea, rodoviária, ferroviária e hidroviária. Essa região também concentra mais de 70% do Produto Interno Bruto (PIB) da América do Sul, com facilidade no acesso a serviços e fornecedores.

Fonte: investrs.com.br/por-que-investir-no-rs
Imagem noturna do Centro Histórico de Porto Alegre

Porto Alegre - RS - Brasil

A POLONIDADE NO RS

Wyczinanki - sobreposição de recortes de papeis coloridos
ESBOÇO DA HISTÓRIA DOS POLONESES NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

Em 1852 encontramos poloneses na Província do Rio Grande do Sul, lutando entre os soldados alemães no 15º batalhão do exército brasileiro (tenente Nieviadomski, Karol Noack, Barnatski). Na 6ª companhia também lutavam outros soldados poloneses (Parkowsky, capitão Eduardo Stepanowski). Também no 28º batalhão de fuzileiros lutavam poloneses (Murtki, Storek, Renek, Parkowski, Chendasiewicz). Na Revolução Farroupilha participou com muita bravura o polonês Gudowski.

O engenheiro Floriano Żurowski, pertencente a um grupo de emigrantes políticos, veio ao Brasil provavelmente em 1857. Trabalhou na medição de terras no Estado do Rio Grande do Sul. Tornou-se diretor de colônia em Santa Cruz e Santo Ângelo. É considerado como o primeiro polonês a adotar a cidadania brasileira. Em 1886, a nordeste da capital estadual, Porto Alegre, um grupo de imigrantes poloneses fundou as colônias Santa Teresa e Santa Bárbara. Eram imigrantes que alguns anos antes haviam chegado ao Estado da Bahia, mas em razão do clima não conseguiram adaptar-se. Quase todos mudaram-se para o Rio Grande do Sul. Nos anos 1890-1894 vieram ao Rio grande do Sul 27 mil imigrantes poloneses.

A primeira organização polonesa que surgiu nesse Estado foi a Sociedade “Polônia”, em Porto Alegre, que surgiu em 1896, graças ao empenho do Dr. Estanislau Kłobukowski. Segundo alguns dados estatísticos, até a eclosão da I Guerra Mundial o número de poloneses no Rio Grande do Sul chegava a 39 mil pessoas. E em meados da década de 1920 esse número era de 61.200 pessoas. No Estado do Rio Grande do Sul surgiu uma concentração bastante grande de colônias polonesas nas regiões de Lagoa dos Patos, Caxias, Ijuí. Em 1938 o número dos poloneses no Estado do Rio Grande do Sul chegava a 80 mil pessoas. Nos anos 1947-1950 estabeleceram-se nesse Estado 147 famílias polonesas, que faziam parte de um grupo de refugiados de guerra. Em época posterior, muitos deles viajaram aos Estados Unidos. E na década de 1970 a população de descendência polonesa no Estado do Rio Grande do Sul chegava a 256 mil. Se admitir-mos que – até pouco tempo – o Brasil dobrava o número de habitantes a cada 17 anos, com base nesse cálculo podemos definir o número de pessoas de descendência polonesa nesse Estado em cerca de 640 mil pessoas.

Na área do Rio Grande do Sul encontramos filias da Braspol em: Alpestre, Arativa, Barão de Cotegipe, Bento Gonçalves, Camaquã, Cândido Godói, Carlos Barbosa, Carlos Gomes, Casca, Caxias do Sul, Centenário, Chuvisco, Cotiporã, Dois Lageados, Dom feliciano, Erval grande, Floriano Peixoto, Getúlio Vargas, Guarani das Missões, Ijuí, Itatiba do Sul, Marcelino Ramos, Mariana Pimentel, Mariano Moro, Muçum, Nova Bassano, Nova Prata, Passo Fundo, Planalto, Porto Alegre – capital do Estado, Rio Grande, Santa Rosa, Santa Teresa, Santiago, Santo Antônio da Palma, Seberi, Três Arroios, Veranópolis, Vista Alegre do Prata.

No território do Rio Grande do Sul encontramos ainda muitas colônias onde vivem os descendentes dos poloneses que não fazem parte da Braspol.

Os polônicos gaúchos merecem nossa admiração, pois sendo cidadões leais à sua pátria brasileira, procuram ainda manter algumas tradições, costumes que trouxeram os antepassados da longínqua Polônia para Rio Grande do Sul. Há muitos polônicos que manifestam seu orgulho de sua origem. Eles ao lado dos representantes das outras etnias ajudaram o Estado do Rio Grande do Sul crescer e desenvolver-se em vários setores tais como agricultura, indústria etc. Precisa também reconhecer, que a comunidade polônica gaúcha deu à Igreja Católica muitos sacerdotes e pessoas consagradas que se dedicam não somente na vida espiritual das comunidades paroquiais, mas atuam com muita dedicação nas escolas, hospitais.

Zdzislaw Malczewski SChr

LOCAIS PARA VISITAR
OS MOVIMENTOS POLÔNICOS NO RS

Conjunto Folclórico Jovem Polônia - JOPOL

Cidade: porto alegre - rs
Data Fundação: 1963-03-24
Contato: Eliane Campos Kondak
Tefone: 993986644
Email: eliane@informatyk.com.br

Grupo AURESOVIA

Cidade: Áurea - RS
Data Fundação:
Contato: Angela M. S. Olczevski
Tefone: (54) 984095329
Email: auresovia@gmail.com

S I R Sociedade Instrutiva e Recreativa Rui Barbosa

Cidade: Erechim - RS
Data Fundação:
Contato: Nilton Miguel Groch
Tefone: 54 999822044
Email:

Stare i Wesole Wiarusy – Grupo de Canto

Cidade: Erechim - RS
Data Fundação:
Contato: Leocádia Olszewski
Tefone: 54 991117130
Email:

INFORMAÇÕES CONSULARES

INFORMAÇÕES GERAIS

1 - Como marcar uma visita ao consulado?
2 - Competência territorial dos postos consulares no Brasil.
3 - Endereços, dados de contato, horário de funcionamento.

https://www.gov.pl/web/brasil/informaes-gerais

KARTA POLAKA

A KARTA POLAKA (Carteira de Polonês) é um documento que confirma o pertencimento à Nação Polonesa.
A Carteira de Polonês não significa a aquisição da cidadania polonesa, nem é um documento que permite cruzar a fronteira ou se estabelecer na República da Polônia.
O procedimento de solicitação da emissão da Carteira de Polonês ou de prorrogação de validade da Carteira de Polonês é isento de qualquer pagamento, inclusive das taxas consulares.
ATENÇÃO: Acesse o link e tenha todas as informações necessárias referente a KARTA POLAKA.

https://www.gov.pl/web/brasil/karta-polaka

CIDADANIA POLONESA

1 - Concessão da cidadania polonesa.
Importante: este procedimento aplica-se aos casos onde a CONFIRMAÇÃO da posse da cidadania polonesa é inviável.
2 - Confirmação da posse ou perda da cidadania polonesa.
CONSIDERAÇÕES GERAIS Enquanto a lei de cidadania brasileira é baseada no princípio ius soli (“direito de solo”), sendo o local de nascimento o fator decisivo na questão da cidadania, a legislação polonesa é baseada no princípio ius sanguinis (“direito de sangue”), o que significa que o direito à cidadania polonesa passa dos pais para os filhos. Portanto, o local de nascimento não é o fator determinante na questão de cidadania polonesa, e os termos NATURALIDADE – NACIONALIDADE – CIDADANIA não são sinônimos.
3 - Restituição da cidadania polonesa.
4 - Renúncia à cidadania polonesa.

https://www.gov.pl/web/brasil/cidadania

ATUALIDADES

Como Adquirir o Livro POLÔNIA E BRASIL– mais próximo do que parece.

Como Adquirir o Livro POLÔNIA E BRASIL– mais próximo do que parece.

Contatos comerciais polono-brasileiros - esboço do assunto

Contatos comerciais polono-brasileiros - esboço do assunto

Viagens do Brasil para a Polônia

Viagens do Brasil para a Polônia

CONTATO


Para entrar em contato:
Envie email para auss@terra.com.br
ou contate pelo Whatsapp: +55 51 98147-0940

VÍDEOS EM DESTAQUE


Mensagem do Embaixador da Polônia.



Mensagem da Cônsul Geral


Mensagem de Pe. Dr. Zdzilaw Malczewski (SChr)

OUÇA NOSSO PODCAST

Estamos preparando matérias interessantes - aguarde!
Av. Presidente Roosevelt, 929 sala 201
Porto Alegre - RS
Brasil
+55 51 98147-0940
Consulado Honorário da Polônia no Rio Grande do Sul © 2022
Desenvolvimento e Manutenção: Dionisio Gause Junior - dgausejr@gmail.com 51 981294394